Inteligência Artificial e Design


por Gabriela Cuentro

 

Juntamente com todo aparato tecnológico que cada dia vem se desenvolvendo de maneira mais rápida, também surgem questionamentos pertinentes a automação e substituição da inteligência humana pela inteligência artificial. Seria possível que a computação cognitiva substitua o intelecto humano nas diversas áreas de criação? Ou esses podem andar lado a lado no avanço tecnológico?

Na verdade, o que podemos refletir acerca do assunto é como esses aparatos vem auxiliando nas profissões como de designers e arquitetos através de ferramentas que agilizam processos, possibilitam a criação de uma gama de opções, trazem inovações e atualizações aos projetos, enfim, funcionando como um aliado às funções cotidianas, transformando a vida de profissionais e empresas. O importante é que esses exerçam funções de forma colaborativa afim de melhorar o desempenho dos serviços.  

Personalização da experiência do usuário

A tecnologia de IA tem o poder de coletar muitos dados de mercado sobre diferentes setores e públicos-alvo. Combinando esses dados com dados sobre design, é possível identificar quais recursos visuais são mais atraentes para o público-alvo em determinados setores. Ao fazer sugestões com base nessa análise, a tecnologia de IA minimiza o esforço gasto em projetos de sites de teste e campanhas publicitárias.

Produção de design online

O design produzido pela IA tem um espaço bastante disseminado no que diz respeito a produção de logotipo, através de uma indústria em expansão de ferramentas de design de logotipo online. Isso traz um malefício para a profissão do designer, mas facilidade e comodidade para o usuário final. 

Simplificação de tarefas

Assim como outras tecnologias de design, a IA automatiza algumas tarefas dos designers, cuidando do trabalho braçal como cortar, redimensionar e corrigir cores, liberando os profissionais para se concentrarem nos aspectos mais significativos de seu trabalho. 

Segundo o ReWork, empresa especialista em eventos e negócios na área de IA, “as ferramentas de design de IA também podem interagir com designers humanos em todo o processo de trabalho, respondendo aos comandos dos designers e oferecendo feedback sobre seu trabalho. Assim que o design for concluído, a ferramenta de IA pode sugerir alterações e melhorias com base em dados sobre a indústria e o público-alvo. Os designers humanos podem supervisionar esse processo e adaptar seus designs de acordo.”

Embora essas tecnologias gerem muitas dúvidas e questionamentos por estarem em estágios iniciais, elas oferecem uma visão de como designers humanos e tecnologias poderão interagir e co-existir no presente e num futuro próximo.

 

 

Fontes:

https://blog.runrun.it/inteligencia-artificial-no-design/

https://blog.re-work.co/the-impact-of-artificial-intelligence-on-the-design-industry/


Compartilhar:
PENSOU EM OBRA © 2021 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS